Dia da Consciência Negra: incômodas palavras

Nossa postagem-intervenção neste Dia da Consciência Negra traz cinco imagens: cinco mulheres negras, todas estudantes da UERJ, seguram cartazes nos quais há sentenças que dizem respeito à situação de negras e negros no mundo acadêmico. São questões que apresentamos, perguntas que fazemos, afirmações que ouvimos — incômodas palavras que indiciam o lugar que, como negras e negros, ocupamos no espaço acadêmico, o que faz de nossa presença uma necessária forma de resistência.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: